Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Inovação e Transformação Digital nas Empresas

banner-blog-MWB

“Inovação e transformação digital nas empresas: contexto e desafios das organizações” foi o tema do primeiro MWB Talks

No dia 26 de fevereiro de 2019, em parceria com a OIBE Project Lab, estreamos o MWB Talks, uma série de dez lives que serão apresentadas ao longo do ano com o objetivo de trazer assuntos relacionados à inovação e transformação digital das empresas como forma de garantir vantagens competitivas em um mercado cada vez mais tecnológico, pautado pela internet.

Sob o tema “Inovação e a transformação digital: contexto e desafios das organizações”, a primeira live foi conduzida por Mauro Bonon, CEO da MWB, e Rogério Matofino, CEO da OIBE.

A partir de um cenário geral apresentado por análises como da Fortune e a partir do estudo das 25 maiores empresas do mundo ao longo dos últimos quinze anos, Bonon diz que há como denominador comum três grandes características em todas elas:

  • Liderança inspiradora
  • Clara visão da liderança sobre o passado, o presente e o futuro da organização
  • Inovação

Segundo Bonon, quando se fala em inovação é importante que esteja claro que a empresa estará suscetível a erros, que a levarão ao aprendizado. “Quem nunca erra é porque não tenta, e se  não tenta, não muda, se não muda, não inova, se não inova, não tem vantagem competitiva”, afirma o empresário.

Para Matofino, a transformação digital ainda é uma realidade muito distante das empresas, principalmente as pequenas e médias, que não estão usando o poder da internet como poderiam, sendo que vivenciamos atualmente um mercado de consumo cada vez mais conectado. Ele cita uma pesquisa realizada pelo Google durante quatro anos consecutivos, que pontuou dois dos principais entraves das empresas no embarque do mundo digital:

  • As empresas não sabem o que, de fato, querem
  • As empresas não têm controle dos dados

“Quando falamos em entraves e gargalos nas empresas, arrisco dizer que as áreas que mais contribuem para o atraso da inovação digital acontecer são a área jurídica, TI e financeiro”, diz o empresário com base em sua experiência de mais de 15 anos na área de consultoria com empresas de diversos portes. “O que as empresas precisam entender é que a transformação digital é utilizar a tecnologia para melhorar, de forma contínua, os processos das organizações com agilidade e produtividade. Vale lembrar que a cultura Agile, que muito se fala hoje no mundo da indústria 4.0, difere totalmente do ‘fazer com pressa’”, explica.

O processo da transformação digital

Muitos empresários têm dúvidas de como se configura o processo de inovação e transformação digital em suas empresas. De acordo com Matofino, é preciso seguir as seguintes etapas:

  1. Arrumar a casa – rever o modelo de negócios
  2. Há controle financeiro em tempo real?
  3. Há controle das vendas (com históricos de negociações) e banco de dados de clientes?
  4. Há uma cultura interna?

Bonon reforça que, a partir dessas respostas, inicia-se a construção de uma jornada, entendendo as personas a quem se destinam os serviços ou produtos da empresa, de forma a integrar a cultura interna e os times nesse processo. Matofino faz uma analogia com a teoria de Pareto: “a transformação digital é 80% humano, com a mudança de mindset e da cultura da empresa, e 20% é tecnologia, com ferramentas e armazenamento em nuvem”.

Os grandes movimentos do mercado

De acordo com ambos, é preciso que, antes das empresas olharem a transformação digital como custo, entendam que a inovação não é mais uma opção, mas, sim, uma necessidade para quem quer ser competitivo no mercado. Segundo Bonon, hoje são notórios seis grandes movimentos que as organizações precisam estar atentas:

  1. Inteligência Artificial
  2. Machine Learning
  3. Internet das Coisas
  4. Big Data
  5. Nuvem
  6. Block Chain

Os especialista citaram ainda exemplos de empresas que atenderam e as grandes dificuldades encontradas durante o processo da transformação e inovação digital.

%d blogueiros gostam disto: